Publicada em 11 de julho de 2019 às 4h57

SESI vai receber homenagem da Câmara Municipal de Manaus

A Câmara Municipal de Manaus vai homenagear o Serviço Social da Indústria (SESI), pelos seus 70 anos de atuação no Amazonas, em sessão solene no dia 15 de agosto. O autor do requerimento, vereador Elissandro Bessa (Solidariedade), anunciou a homenagem nesta quinta-feira (11), durante visita ao presidente da Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (FIEAM) e diretor regional do SESI Amazonas, Antonio Silva, na sede da FIEAM.

Antonio Silva recebe cópia do requerimento (da homenagem) das mãos do vereador Elissandro Bessa, ao lado de Nelson Azevedo

De acordo com o vereador Bessa, o SESI Amazonas, ao longo de sete décadas, contribui significativamente para atender o trabalhador da indústria, seus dependentes e a comunidade em geral, com serviços em saúde, educação básica e continuada, atividades esportivas, eventos socioculturais e de promoção a saúde.

Antonio Silva disse que o Sistema FIEAM recebe com muita satisfação o reconhecimento aos serviços do SESI Amazonas. “Nossa prioridade é a indústria e trabalhamos, por meio do SESI, com foco em Educação, Saúde e Segurança do Trabalho (SST) e em Promoção da Saúde do trabalhador e seus dependentes, mas atendemos também a comunidade em geral.

Na área de Saúde, Antonio Silva aproveitou para anunciar mais um serviço, que vai funcionar no Clube do Trabalhador (Alameda Cosme Ferreira, 7399, São José). Trata-se do SESI Saúde Unidade Leste, que terá atendimentos em especialidades médicas, odontológicas e exames laboratoriais aos trabalhadores da indústria, dependentes e comunidade em geral.

O vereador Bessa destacou o SESI como instituição referência no desenvolvimento de ações voltadas para o bem-estar e qualidade de vida do trabalhador. Em educação, destacou a atuação da Escola SESI Dr. Francisco Garcia, maior creche da América Latina, da Escola SESI Dra. Emina Barbosa Mustafa, com ensino médio, voltado para novas tecnologias e inovações, transformando e investindo nas futuras gerações, além das escolas nos municípios de Iranduba, Itacoatiara e Parintins.

Comente esta notícia
Pular para a barra de ferramentas